Artigo

Vidas Infames e Espaço Revitalizado: o caso da Praia de Iracema em Fortaleza

Eduardo Rocha Lima

Anais do II Urbicentros, Maceió, 2011

O presente texto alimenta a critica à ação arquitetônica urbanística contemporânea que, utilizada como peça da engrenagem político-econômica que promove as cidades no mercado do turismo, “revitaliza” seus espaços pela criação de “iscas culturais”, objetos com formas inovadoras e luminosas que sobrepõem a economia estruturadora do fluxo cotidiano e conflituoso das áreas urbanas envelhecidas. A investigação que deu origem a este texto coloca foco na ocupação da Praia de Iracema pela prostituição enquanto “fio de Ariadne” que conduz o pesquisador dentro do espaço pesquisado: linha a ser seguida até uma das saídas do labirinto.


ARTIGO COMPLETO

Acesse aqui